Hidratação em dias de calor

05-06-2015 11:08

Durante os meses mais quentes do ano devemos ter ainda mais cuidado com a desidratação, à qual as crianças são particularmente suscetíveis, devido à sua baixa reserva total de água corporal e também porque a sua capacidade de detetar o estado de desidratação ou de responder aos seus sinais pode estar diminuído.

O consumo regular de água é fundamental para promover uma alimentação saudável. Somos constituídos essencialmente por água, sendo por isso essencial à vida. A não ingestão de água torna mais difícil a regulação da temperatura corporal e o normal funcionamento dos órgãos. A desidratação, provocada pela ingestão insuficiente de líquidos ao longo do dia e, em particular, quando a atividade física aumenta, pode ser responsável por sintomas como dor de cabeça, cansaço e irritabilidade, afetando também a capacidade de concentração, atenção e memória.

Recomenda-se assim beber pequenas quantidades de água de cada vez e frequentemente ao longo do dia, antecipando a sensação de sede.

Aumentar a ingestão de líquidos nas seguintes situações:

·         Sede;

·         Urina de cor intensa e com cheiro;

·         Mucosas secas ou viscosas (boca e língua);

·         Cansaço, dor de cabeça, perda de capacidade de concentração, atenção e memória;

·         Atividade física que faça transpirar;

·         Temperatura ambiental elevada;

·         Situações de doença acompanhadas de febre, vómitos e diarreia.

 

Adaptado de Hidratação adequada em meio escolar – Direção Geral de Saúde

Saiba mais em: www.dgs.pt/em-destaque/manual-hidratacao-adequada-em-meio-escolar.aspx